segunda-feira, 24 de novembro de 2008

A Palavra às Mulheres


Abrir o chacra da garganta

“As mulheres estão com um "nó na garganta" porque concordaram, há quatro ou cinco mil anos, em manter silêncio acerca da magia e da intuição que representavam e conheciam como parte da chama gémea. A chama gémea consiste na energia masculina e feminina coexistindo num só corpo, quer seja ele fisicamente masculino ou feminino. (...) Durante este período de mudança, será necessário que as mulheres desatem o "nó na garganta" e se permitam falar. Chegou a hora. Para os homens, o desafio consiste em compreender as mulheres e sentir. Devem deixar que o sentimento entre na expressão da vossa sexualidade e dos vossos relacionamentos." (...) "O que estamos sugerindo para a energia masculina – e isso vale também para as mulheres, quando operam no seu estado masculino – é que deixem o sentimento entrar na área da sexualidade. Sintam a amplitude da emoção e não apenas a sexualidade física, o estímulo localizado. Existe um estímulo emocional que necessita de um compromisso emocional e de uma confiança emocional. No campo electromagnético, este estímulo emocional vai abrir uma frequência dentro de vocês. Esta frequência, que a sexualidade representa, é um remanescente da vossa divindade. Os homens fecharam o seu centro do sentimento para serem os comandantes do planeta. Foram capazes de guerrear, matar e dominar o planeta por terem fechado este chacra do sentimento. E as mulheres concordaram em fechar o chacra laríngeo, o centro da fala, para que os homens tivessem a oportunidade de comandar o sistema. Tudo isso agora está chegando a um ponto de equilíbrio. As mulheres começaram a abrir sua garganta há cerca de trinta anos, passando a ter a oportunidade de falar sempre. O problema é que muitas mulheres acabaram por fechar o centro do sentimento ao abrirem o da fala. Começaram a parecer-se com os homens. É necessário equilíbrio. A mulher está agora sentindo a necessidade de despertar o princípio feminino dentro dela. Vive num corpo feminino e controla uso da vibração masculina no seu interior. (...) As mulheres também serão atingidas pela abertura do chacra do coração, sentindo grande compaixão e alegria ao verem os seus homens sentir. Estamo-nos referindo a acontecimentos de massa, que atingirão a humanidade através de ondas de luz. As mulheres precisam redefinir os seus conceitos de feminilidade e força. Elas precisam de descobrir o que significa ser uma mulher forte, assim como os homens precisam de descobrir o que significa ser um homem vulnerável. (...) As mulheres possuíam um invólucro muito rígido em volta do seu campo de energia; precisavam de proteger-se. Agora elas vão desenvolver a verdadeira força emocional. A casca rígida vai diluir-se e o corpo radiante luminoso brilhará directamente do coração."

rodrigogferreira

in Mensageiros do Amanhecer: Ensinamentos das Plêiades, Barbara Marciniak

Imagem: blogdasartes.blogspot.com