quinta-feira, 10 de abril de 2008

Hipátia de Alexandria

Hipátia (ou Hipácia) de Alexandria (em grego: Υπατία), matemática e filósofa neo-platónica, nascida aproximadamente em 370 E.C. e assassinada em 415 E.C..

"Há cerca de 2000 anos, emergiu uma civilização científica esplêndida na nossa história, e a sua base era em Alexandria. Apesar das grandes chances de florescer, ela decaiu. A sua última cientista foi uma mulher, considerada pagã. O seu nome era Hipácia. Com uma sociedade conservadora a respeito do trabalho da mulher e do seu papel, com o aumento progressivo do poder da Igreja, formadora de opiniões e conservadora quanto à ciência, e devido ao facto de Alexandria estar sob domínio romano, após o assassinato de Hipácia, em 415, essa biblioteca foi destruída. Milhares dos preciosos documentos que nela existiam foram em grande parte queimados e perdidos para sempre, e com eles todo o progresso científico e filosófico da época."

Carl Sagan, "Cosmos"

Vale a pena ler a história desta filósofa em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Hip%C3%A1tia

Nenhum comentário: