terça-feira, 25 de setembro de 2007

SATURNO

Imagem: Somos Todos Um, Web

Os estudos que fiz no domínio da Astrologia deixaram-me fascinada com esta linguagem tão sábia, tão expressiva e tão exacta, que nos fala de aspectos de nós de que precisamos muito de tomar consciência...

“Em regra, ele é tido como aquele que traz limitação, frustração, trabalho penoso e renúncia; e até mesmo o seu lado mais brilhante está normalmente ligado à sabedoria e à autodisciplina da pessoa que não tira o nariz do seu trabalho e não comete a “atrocidade” de rir para a vida. Pelo signo e pela casa que ocupa, Saturno indica aquelas áreas de vida nas quais é provável que o indivíduo venha a sentir-se frustrado na sua auto-expressão, e onde é muito provável que ele sofra decepções e enfrente dificuldades. Em muitos casos, Saturno dá a impressão de estar relacionado com circunstâncias dolorosas, que não parecem ter ligação com qualquer fraqueza ou imperfeição da parte da própria pessoa, mas que simplesmente “acontecem”, acarretando desse modo a este planeta o título de “Senhor do Carma”. Esta avaliação bastante depressiva permanece associada a Saturno a despeito do mais antigo e repetido dos ensinamentos, aquele que nos diz que ele é o Habitante do Umbral, o guardião das chaves do portão, e que somente através dele é que podemos eventualmente alcançar a libertação por meio da autocompreensão.
As experiências frustrantes associadas a Saturno são obviamente necessárias, uma vez que são educativas tanto num sentido prático como num sentido psicológico. Não importa se usamos uma terminologia psicológica ou esotérica, o facto básico permanece o mesmo: os seres humanos só conquistam o livre arbítrio através do autoconhecimento e só procuram esse autoconhecimento quando as coisas se tornam tão dolorosas a ponto de não lhes permitir outra escolha. (...)
Qualquer um que encontre prazer na sua dor é considerado masoquista; contudo, o que Saturno promove não é o prazer da dor, mas, antes, a alegria da libertação psicológica.”

Liz Greene, Saturno, Editora Pensamento